Home Busca Avançada Normas de Publicação Assinaturas Fale Conosco
Contact Us
 
 

 

CopyRight
Moreira Jr Editora
Proibida a reprodução sem autorização expressa


 
sêlo de qualidade
Like page on Facebook



Cultura e Lazer
Happy Hour: Beatlemania
Adriana Costa
Jornalista
Revista Equilíbrio & Vida - Nov 11 N 1

Shows de Ringo Starr e livro “Um dia na vida dos Beatles” são opções para os fãs do maior fenômeno pop de todos os tempos

Depois do vocalista Paul McCartney – que fez shows no Brasil no final do ano passado – o ex-baterista dos Beatles, Ringo Starr, virá ao País para uma série de apresentações com sua All Starr Band durante o mês de novembro. Sete capitais brasileiras recebem a banda pela primeira vez: Porto Alegre, São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Brasília e Recife. São esperados sucessos como “It Don’t Come Easy”, “With A Little Help From My Friends”, “Yellow Submarine”, “Don”t Pass Me By”, “Octopus’s Garden”, “Photograph”, “Back Off Boogaloo”, “You’re Sixteen (You’re Beautiful And You’re Mine)”, “Don’t Go Where the Road Don’t Go”, “No No Song” e “Never Without You”.

O compositor e professor de música Sergio Molina explica que as canções mais aguardadas são exatamente as que John Lennon e Paul McCartney fizeram para Ringo, já que o baterista nunca foi um grande compositor. “Ringo faz parte do maior fenômeno da música pop de todos os tempos, que continua agradando os jovens de hoje – exatamente o público que move a indústria cultural. Por isso, devemos esperar um bom público nos shows, mas não para encher um estádio do Morumbi por dois dias, como ocorreu com Paul McCartney em 2010”, opina Molina. “É curioso como os Beatles continuam caindo no gosto de quem é apresentado a eles, seja pelos pais, seja pelos avós”, comenta Molina. Ele comemora o fato de que desde o ano 2000, com a estabilização da economia e o aumento do poder aquisitivo da população, o Brasil tenha entrado na agenda de grandes shows internacionais.

A All Starr Band vem excursionando de forma consistente desde o ínicio, em 1989. Baseada no conceito de que “cada membro é uma estrela no palco”, cada apresentação traz Ringo apresentando canções tanto de sua carreira solo quanto dos Beatles. Cada um dos músicos da banda também traz sua contribuição pessoal ao espetáculo. Mais informações sobre o show de Ringo Starr podem ser obtidas pelo site www.ticketsforfun.com.br.




Livro reúne fotos inéditas

Os fãs da banda também podem conhecer novas imagens do quarteto no livro “Um Dia na Vida dos Beatles”, do fotógrafo inglês Don McCullin. São 92 fotos coloridas e em preto e branco captadas em julho de 1968, durante um dia inteiro em Londres. O resultado da edição do material – cerca de 15 rolos de filme usados naquele domingo por McCullin, numa Nikon F – foi publicado este ano no Brasil pela editora Cosac Naify, depois do lançamento na Inglaterra em outubro de 2010, no aniversário de 30 anos da morte de John Lennon. A publicação retrata Ringo, Paul, George e John em diferentes cenários da capital inglesa. A editora, que >já tem em seu catálogo dois livros sobre o grupo – “Antologia” (2001) e “A História Por Trás de Todas as Canções” (2009, de Steve Turner) –, agora foca em um momento bem particular: flagrantes dos quatro músicos no auge da criatividade e do sucesso, mas, também, no início do processo de ruptura que os levaria à separação, em abril de 1970. Na abertura da obra, Paul McCartney refere-se àquele período como sombrio e pesado: “Era um ótimo disco, mas muito difícil de ser feito. Não por nada, nessa mesma época surgiu a expressão ‘heavy’”. O grupo, que já fora clicado pelos melhores da área, num momento no qual a fotografia, como Paul também escreve, “estava na linha de frente da cultura”, preferiu um profissional do fotojornalismo. Aclamado como fotógrafo de guerra, com diversos troféus na carreira – incluindo dois prêmios da World Press Photo e, em 2006, o prêmio Cornell Capa (do Centro Internacional de Fotografia, em Nova York) –, Don McCullin só reviu esse acervo recentemente. No texto introdutório, descreve em ricos detalhes a empreitada e revela que chegou a pensar num trote quando “uma voz masculina desconhecida disse que estava ligando da gravadora Apple”, oferecendo 200 libras por um dia inteiro fotografando os Beatles. “Mal sabiam que, ao ouvir a proposta, eu me senti levitando alguns centímetros acima do chão. Eu teria pago a eles as 200 libras!”, brinca o autor.

Um dia na vida dos Beatles

Autor: Don McCullin
Editora: Cosac Naify
Textos: Don McCullin, Paul McCartney
Tradução: Cláudio Marcondes
Idioma: Português
Preço: R$ 69